PESQUISE A BIBLIOTECA DO NOTICIÁRIO-EVANGÉLICO

Sunday, January 22, 2012

Autor comenta vídeo "Odeio religião, amo Jesus" em entrevista ao Christian Post


Autor de ‘Por que eu odeio a religião, mas eu amo Jesus’ diz: ‘eu amei falar de Jesus para mais de 15 milhões’

Jefferson Bethke, depois de causar polêmica com o vídeo “Por que eu odeio religião, mas amo Jesus”, falou de sua satisfação em falar de Jesus para mais de 15 milhões de pessoas.

Em entrevista feita pela GBTV, o autor é perguntado sobre a repercussão do vídeo que rapidamente chegou a 15 milhões de visualizações no YouTube, entrando em segundo lugar no rank do top 100 vídeos virais do mundo.


Bethke confessou que intencionava falar de Jesus originalmente  a apenas duas pessoas e comentou sua satisfação de ter alcançado milhões.

“Eu amei isso, eu ter conseguido falar de Jesus para 15 milhões de pessoas quando eu queria era falar a apenas duas pessoas”.

O vídeo, que traz sua mensagem em versos cadenciados, fala sobre temas como legalismo, aparência cristã e o verdadeiro sentido do Cristianismo.

Os defensores alegam que o vídeo serviu para mostrar que os Cristãos devem se concentrar em sua fé em Jesus, mas do que as tradições, rituais e “obras”.

Entretanto, as palavras do autor como “Jesus e a religião estão em lados opostos” foram uma ofensa para os que consideram os limites religiosos importantes para a sua experiência de adoração.

Mas, Bethke explicou que não queria que o vídeo fosse um soco no rosto para religião tradicional, explicando que ele teve a intenção de atrair as pessoas das quais ele se relaciona em sua vida diária na faculdade de Seattle.

Depois de receber diversos elogios bem como diversas críticas, o autor disse que aprendeu que ele não pode se tornar um escravo em sua identidade. Bethke explicou que deve colocar sua identidade no meio da crítica e do elogio e manter a sua identidade entre os dois lados.

“A cruz, nada pode criticar-me ou mostrar para mim quanto eu mereço a morte mais do que a cruz e por outro lado nada pode dizer quanto eu valho e quanto Deus me ama mais do que a cruz”.

“E quando quando um elogio ou crítica vem eu posso aceitar, ou eu posso me arrepender. Eu posso dizer, obrigada, e tomar isso como uma motivação normal, mas também não devo colocar minha identidade aí”, completou.

O franco e jovem cristão falou que diferentes oportunidades de trabalho em ministério lhe apareceram desde a última semana. Entretanto, por agora, ele informa que vai continuar o seu trabalho em um centro comunitário, onde ele faz o que é a sua paixão: pregar sobre de Jesus.

“Está bem ser bagunçado porque Jesus representa você, você não representa a você mesmo. Você pode ser uma bagunça, Deus sabia que você seria assim. Disso se trata a cruz”, são as palavras de Bethke mostrado um vídeo dele pregando no centro comunitário. (christianpost)


NOTICIÁRIO EVANGÉLICO no Twitter Visite, conheça e acompanhe o Buzz da Cultura Evangélica e Coloque-o no seus Favoritos - Esperamos você Visite: Mensagens Bíblicas do Livro de Apocalipse, Notíciário Gospel, Bíblias Eletrônicas Free, Estudos Bíblicos

10+ do Mês no Noticiário Evangélico

Posts Comentados Evangélicos no Mundo Israel Igreja Perseguida evangelização Nacionais Pastores Homossexualismo Evangelho no Mundo Testemunhos Boletim de Ocorrências Evangelismo Islamismo Lançamentos Fim dos Tempos intolerância religiosa contribuição evangélica Fim do Mundo Conflito árabe-israelense Oriente Médio Tempo do Fim muçulmanos Apocalipse Desempenho Evangélico leis apostasia Notícias de Israel Islã Fim dos Dias Eventos anticristo homofobia UniãoNet Bancada Evangelica Homofobia X Liberdade de Expressão TRIBUNAIS Política Fim da Igreja Convertidos Conversões Crimes Heresias Tragédias Arrebatamento Ciência Falsas Doutrinas Falsas Religiões Lei Anti-Homofobia sinais dos tempos Arqueologia Ateísmo Filme Grande Tribulação Ciência e Tecnologia Gospel Music Tribulação Direito de Israel ecumenismo Catolicismo PLC 122/06 Acidentes Degradação Moral Restauração de Israel conversão Bíblia X Apostasia Alerta Bíblico Doutrina ICAR IURD Jerusalém Perversão das Leis Casamento Desvarios das Leis Kit Gay Abominações Governo Mundial ONU Terrorismo Discriminação Educação Sexual Gogue e Magogue Ocorrências Polícia Satanismo anticristos Arca de Noé Drogas Política e Religião Seitas Teologia da Prosperidade Comentários Bíblicos Evangelização em Israel Filme Evangélico Livro fé evangélica Bíblia Cartilha Homossexualizante Criacionismo Fanatismo Religioso Sexo Crise Financeira Desvio de Comportamento Ensino Religioso nas Escolas Mídias Homossexualizantes cultura evangélica curiosidades Justiça dos homens X Justiça de Deus Política versus Evangelho SEMANÁRIO EVANGÉLICOS NO MUNDO Sociedade Bíblica do Brasil - SBB Vaticano meditação bíblica 2012 Antisemitismo Doença Espiritual Ferramentas do Evangelho Kit Promiscuidade Liberdade Religiosa Liberdade da Crença Microchips Nova Ordem Mundial Pastortos Pecado Pornografia STF Santificação religiões unidas Alerta Evangélico Direitos Humanos GLS Pedofilia Profecias Maias ecumênico rainha das religiões Ambiente Idolatria Maçonaria Mordaça Gay Novidades da Informatica Terremotos Tribunais de Inquisição Acordo de Paz Arrependimento Bíblia na China Edificação Espiritual Exportando fé GLBT Habeas Corpus Lutero Nova Era ORU Operação do Erro Processo de Paz Protestante Protestantismo Qumran Softwares evangélicos curiosidades bíblicas restauração sentença divina Abaixo Assinado Agentes do Engano Arca da Aliança Arrebatômetro Calendário Judaico Disciplinando os Filhos Divórcio Evangélicos X Carnaval Judeus Messiânicos Ocultismo: Invasão Silenciosa Programa Brasil sem Homofobia Queda Espiritual Símbolos Pagãos Virgindade besta bússola dourada obra de Deus AH1N1 Adoção Anjo Caído Castidade Deísmo Diabo ECA Megaterremoto PNDH3 Pestes Prêmio Nobel da Paz STJ apóstolos
There was an error in this gadget